domingo, 6 de dezembro de 2015

P734: AO "GOSÉ"!

,
,




O José Seara, ou melhor, o Gosé, segundo Vasco, era, é, um verdadeiro camarigo.

Trazido à Tabanca do Centro pela mão da sua prima Giselda e, portanto, pelo Miguel Pessoa, não precisou dos “padrinhos” para se impor pela sua simpatia, pela sua afectividade, pela sua humildade, e tantas mais virtudes que são sempre apanágio dos homens bons.

Era, é, um amigo, e mais do que um amigo, um camarigo!

E a doença nunca vence os homens bons, porque embora eles possam partir do nosso convívio cara-a-cara, ficam sempre no convívio dos nossos corações.

O “Gosé” é um desses, que mora em nós, faz parte de nós, é um de nós! Um camarigo, verdadeiramente!

Nunca esta “conversa” de camarigos em me chamar “régulo da Tabanca do Centro”, ou “Amado Chefe”, com ternuramente o Vasco da Gama me chamou e chama, pesou tanto sobre mim, ao querer escrever palavras que digam o que me vai no coração, para o “Gosé”, para a sua filha Glenda, (que connosco também esteve), para a sua prima Giselda, (a humildade deve ser característica daquela família), para o Miguel, que se supera em amizade e camarigagem.

Todos os que me conhecem sabem da fé profunda que vivo em Deus, e por isso mesmo, a melhor homenagem que posso prestar ao “Gosé” é pedir ao Senhor da Vida, que o receba no seu eterno abraço de amor, e que acompanhe, acaricie e console, os seus familiares, especialmente a Glenda, que podendo ficar mais “pobre” na terra, fica sem dúvida mais “rica” no Céu, porque o Céu é dos homens bons, dos homens de boa vontade, e o “Gosé” era, é, um deles.

Na Tabanca do Centro não estamos de luto, estamos serenamente recordando o nosso camarigo “Gosé”, que continua connosco, nos nossos corações, nas nossas vidas, nos nossos encontros todos os meses, até todos nos encontrarmos no “Encontro Final”, que será uma festa sem dúvida.

Que Deus receba o “Gosé” no seu eterno descanso e que nós todos nos alegremos serenamente, na tristeza da partida, por termos um camarigo como o “Gosé”.

Abraço a Glenda, a Giselda, o Miguel e a todos os camarigos da Tabanca do Centro nesta hora de tristeza, mas também de gratidão por termos na nossa memória, e na nossa vida, (passada, presente e futura), um homem como o “Gosé”!

Marinha Grande, 6 de Dezembro de 2015
Joaquim Mexia Alves

12 comentários:

Carlos Pinheiro disse...

Os meus mais sentidos pêsames dirigidos especialmente aos seus familiares e aos camarigos mais próximos. Que descanse em paz.

Ley Garcia disse...

Que esta tenha sido apenas uma passagem da sua existência. Ficará bem para sempre na nossa memória. Os sentimentos à família.

Carlos Esteves Vinhal disse...

O meu sentido pesar pela partida do nosso camarada.
Para a Glenda, a certeza de que o seu pai não morreu porque ela o vai manter vivo. Os nossos pais não morrem apenas deixamos de os ver. Nós, os mais velhos, que já perdemos os nossos, sabemos isso e convivemos bem só com as suas memórias.
Para a Giselda e Miguel um abraço.
Carlos Vinhal
Leça da Palmeira

Hélder Valério disse...

Meu caro Joaquim

Uma bela, sentida e conseguida homenagem a mais um amigo, um dos nossos, que 'partiu'.

Realço as tuas belas palavras e subscrevo os meus sentidos pêsames aos familiares.

Hélder Sousa

55475547 disse...

Foi em choque que ao consultar este espaço, vejo a triste notícia da morte do Sr. José Seara, era uma pessoa cativante que recordo com saudade..., os meus sentidos pêsames à família, que descanse em paz o Amigo Sr. José Seara. PM

joao costa disse...

Lamento a grande perda da familia e amigos ele apenas foi mas para nos todos foi ali em viagem porque em nos estara sempre vivo nos nossos coraçoes apresentamos condolencias familia e que descanse em Paz

joao costa disse...

Lamento a grande perda da familia e amigos ele apenas foi mas para nos todos foi ali em viagem porque em nos estara sempre vivo nos nossos coraçoes apresentamos condolencias familia e que descanse em Paz

Juvenal Amado disse...

Há família quero endereçar os maus mais sentidos pêsames pela perca do seu ente querido.
Para o colectivo da tabanca do Centro um abraço e a certeza que o lugar dele ficará para sempre vago mas guardado nos nossos corações.

RIP

Anónimo disse...

Lindas as palavras do nosso Amado Chefe ao nosso querido Camarigo Don Gosé!

Grande Amigo que nos deixa. Grande lutador!

Nunca te ouvi um queixume! Estavas sempre melhor!

Em todos os encontros tínhamos sempre uns minutinhos para falar sobre o nosso Benfica sem nunca dizeres mal dos rivais ou dos árbitros nem sequer do "Jasus" quando perdemos "aquele jogo"!

Expresso o meu pesar à tua filha e restante família e descansa em paz, Don Gosé.

Vasco A. R. da Gama


Manuel Reis disse...


Mais um dos nossos que partiu.

Descansa em Paz camarigo.

Sentidos pêsames a toda a família.

Manuel Reis

Artur Manuel Soares disse...

Os meus mais sentidos pêsames a todos os familiares deste nosso Camarigo.

Que descanse em Paz.

Artur Soares

Anónimo disse...

Acabo de ver a noticia e fiquei triste, apesar de saber do seu estado de saúde e que esta vida é uma passagem!..
Todas as palavras que podiam ser ditas, já o foram pelos nossos amigos.
As vezes que estive com o José Seara nos convívios e durante as viagens no carro do Miguel, bastaram-me para ver o bom e afável homem que era.
Falava com entusiasmo da vida que tivera, não esquecendo a de militar, combatente em Angola.
Ficou no meu coração e acredito que descansa em Paz.
Os meus sentidos pêsames a toda a família, em especial à sua filha Glenda, primos Giselda e Miguel.
Mª Arminda Santos

9 de dezembro de 2015